MITOS E VERDADES SOBRE O PILATES

03/08/202010:17- atualizado às 10:17 em 03/08/2020

Pilates é uma técnica bastante indicada para quem quer melhorar a saúde e aumentar o bem-estar, pois o foco é fazer com que o praticante tenha mais consciência corporal, melhora da força, flexibilidade e equilíbrio e ainda consiga se sentir mais relaxado.  

Com a popularização dessa atividade, mitos e verdades ficaram em evidência e nós vamos te ajudar a esclarecê-los: 

 

1 – Grávidas podem praticar Pilates 

 

Fazer esse tipo de atividade física no período da gestação é importante porque trabalha a postura da mulher que está alterada durante a gravidez. Além disso, alivia e previne o aparecimento de dores recorrentes do período e prepara o organismo para o parto, por meio do fortalecimento do períneo. 

 

2 – Idoso não pode fazer Pilates  

 

Por ser uma atividade de baixo impacto e supervisionada, o Pilates traz grandes benefícios para terceira idade, como aumento da força e flexibilidade muscular, aumento da mobilidade, melhora do equilíbrio e postura. Com isso, é possível diminuir dores articulares e o risco de quedas, comuns nesta fase, além de melhorar a coordenação motora, consciência corporal e autoestima. 
 

3 – Pilates melhora o humor 

Além de melhorar a autoestima do indivíduo por trabalhar algo em benefício da sua saúde, há também na prática de qualquer atividade física, a liberação de endorfinas que são neuro-hormônios responsáveis pela sensação de prazer e bem-estar. Essas substâncias diminuem o estresse e consequentemente melhoram o humor. 
  
4 – Pilates emagrece 

 
pilates é ideal para quem busca tonificar os músculos, aumentar a flexibilidade e corrigir o alinhamento postural. Dessa maneira ele previne dores, melhora a resistência, aumenta a força e, quando está associado com uma dieta equilibrada e atividade aeróbica, também ajuda a emagrecer. Porém, quando realizado de forma isolada, o aumento do metabolismo durante a aula e aumento do metabolismo basal não são?suficientes para perda de gordura, sendo necessária a prática de atividades com alto gasto calórico. 

 

5 – Pilates faz bem aos órgãos internos 

 
powerhouse (CORE) ou Centro de Força é a base do pilatesÉ onde se origina a força para os movimentos. Os músculos que o formam sustentam a coluna, os órgãos internos e a postura. Quando essas estruturas são ativadas em conjunto formam um cilindro que traz estabilidade corporal, protege a coluna durante as atividades e faz pressão intra-abdominal, melhorando significamente o funcionamento dos órgãos internos. 
 

6 – Pilates substitui a musculação 

 

Os dois trabalham como complementares, porém as finalidades de cada um são bem diferentes. Geralmente, opta-se por musculação quando o objetivo é ganhar massa muscular. Já quem faz pilates, quer melhorar a postura, a percepção do corpo. Portanto, um exercício não substitui o outro.  
 
7 - Pilates deixa as pessoas mais altas 

 
O que acontece na verdade é uma melhora no alinhamento e na postura corporal devido à combinação de alguns fatores. Entre eles estão o aumento da flexibilidade muscular, da mobilidade articular e do crescimento axial. Este último se refere à intenção de ganhar espaço intra-articular,?principalmente da coluna, resultando em aumento do espaço entre as vértebras e melhora da mobilidade da coluna, diminuindo assim dores por compressão nos discos.


8 - Pilates diminui as dores na coluna  

 
Por trabalhar a resistência, flexibilidade muscular e mobilidade articular de forma global, o pilates reorganiza desequilíbrios existentes no corpo, devolvendo a harmonia corporal necessária para ganho da consciência corporal, consequentemente melhorando a postura e aliviando as dores 

 

Esperamos ter esclarecido suas dúvidas. O importante é que o instrutor de Pilates esteja sempre atento as particularidades e limitações de cada aluno, pois a realização de algum movimento incorreto pode ter um efeito prejudicial, o que é o contrário do esperado com a prática. 

Leia também